Passeata Foppelin – 07/04/2015

Senador de Roraima Telmário Mota na passeataDSC_8814 DSC_8821 DSC_8802 DSC_8798 Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Público poderá prestigiar atividades temáticas do Fórum de esporte e lazer indígena

Naine Terena – Coletivo indígena / Foppelin

A partir da próxima terça-feira (07/04) Cuiabá sedia o I FOPPELIN – Fórum Nacional de Políticas públicas de esporte e lazer para povos indígenas e o público poderá participar de algumas atividades do evento. A primeira delas é a abertura oficial do Fórum que acontecerá no Auditório principal do Hotel Fazenda Mato Grosso, localizado na região do Coxipó em Cuiabá. A solenidade de abertura contará com a presença de representantes do Ministério do Esporte, da UFMT e dos indígenas envolvidos no evento. Após o ato, o Povo Umutina entra em cena, realizando a apresentação cultural, com danças e cantos tradicionais. No dia 10 (sexta-feira) será a vez do Povo Chiquitano da aldeia Vila Nova Barbecho realizar sua apresentação com a Orquestra de Violinos e instrumentos tradicionais Chiquitano. Após esta apresentação, que leva ao público elementos da cultura originária deste povo e os instrumentos advindos pelo contato com o não indígena, o grupo Nohaiares ocupa o espaçco com danças tradicionais Chiquitano. Segundo Soilo Urupe, um dos responsáveis pela programação cultural do evento, os Chiquitano irão apresentar músicas e danças na língua materna, como a da “apá”, do Curusé e de roda. O Curusé é uma das mais conhecidas manifestações culturais deste povo, que utiliza o fifano, flauta e caixa, sendo os festejos regados a chicha de milho ou de mandioca e alimentos como a patasca, picadinho de mandioca, bolo de arroz e carne assada. Em sua totalidade geralmente acontece durante ao carnaval e tem duração de pelo menos 3 dias. Soilo explica que o Curussé reforça a relação de afinidade entre os Chiquitano, enquanto etnia e a relação com a natureza. Já no dia 11 (sábado), o povo Bororo toma conta das apresentações culturais, trazendo danças rituais. Segundo Adriano Makuda, indígena da etnia Bororo, graduado em direito pela UFMT e um dos articuladores desta programação, os participantes são da aldeia Meruri , localizada no município de General Carneiro, que realizarão a apresentação do canto e dança do “Cibae Etawado”. Makuda explica que essas danças e cantos são executados nos momentos de alegria e tristeza e fala dos sujeitos que compõem o mundo Bóe (auto denominação dos Bororo). As apresentações acontecerão sempre a partir das 18 horas, também no Hotel Fazenda Mato Grosso.

Além das apresentações Culturais, quem for ao hotel poderá conferir a Feira de Artes, que contará com venda de artigos originários dos povos indígenas de diferentes regiões do país. Esta feira será montada durante todo o dia. Além da Feira, o visitante pode percorrer as exposições Patrimônio Imaterial Mato-Grossense e de fotografias. As atividades Culturais contam com apoio da PROCEV/UFMT.

Exposição Patrimônio Imaterial Mato-Grossense

A exposição Patrimônio Imaterial Mato-Grossense é itinerante e já circulou por diferentes cidades. Teve a curadoria dos professores Heloísa Ariano, Denilton Gaio e Thereza Marta Presotti, da UFMT, que selecionaram uma amostra dos resultados do projeto de pesquisa Inventário Documental do Patrimônio Imaterial Mato-Grossense, desenvolvido em 2009 e 2010. Durante o evento, a exposição dará ênfase ao Patrimônio Imaterial Indígena de MT através de exposição fotográfica e vídeos:  YAOKWA – O Banquete dos Espíritos ( Ritual Registrado no Livro das Celebrações em 2010) – Tem uma versão de 15 min (IPHAN) e outro mais completo de 40 min ( VICENTE CARELLI) .  RITXÒKÒ – Bonecas Cerâmicas Karajá (Registrado no Livro dos Oficios-Modos de Fazer em 2012) – Produzido pela UFG- Museu Antropológico. Os vídeos serão projetados na quarta-feira e quinta-feira a partir das 19h.

Exposição Povos indígenas Contemporâneos

Esta exposição é resultante de uma oficina de fotografia ministrada para os estudantes indígenas da UFMT e conta com imagens captadas pelos participantes, seja na cidade, seja na sua aldeia de origem. A ideia é que cada um deles, pudesse dar visibilidade a temas e contextos que gostariam de apresentar ao público, privilegiando assim, o olhar indígena ao registro do cotidiano. A exposição tem a curadoria de Téo de Miranda e Naine Terena. Programação Oficial: A programação oficial acontece durante todo o dia e é destinada aos participantes do evento, que irão participar de mesas e Gt´s que enfatizarão os eixos: 1. Esporte, Lazer, Cultura e Território; 2. Esporte, lazer e Desenvolvimento Sustentável; 3. Esporte, lazer, Saúde e Educação;4. Esporte de Alto Rendimento e Atletas Indígenas. No último dia acontece aPlenária Final, com discussão e encaminhamentos do Documento orientador da Política Nacional de Esporte e Lazer para os Povos Indígenas.

Participam do evento cerca de 300 indígenas de todas as regiões do país. http://www.foppelin.wordpress.com e no facebook: forumindigena

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Indígenas realizam passeata em Cuiabá na próxima terça-feira

Helena Corezomaé – Coletivo indígena / Foppelin FOTO - CIMI Na próxima terça-feira, 07 de abril, indígenas participantes do I FOPPELIN, realizam uma passeata pelas avenidas Fernando Correia da Costa e Alzira Zarur, nas mediações da Universidade Federal de Mato Grosso. A ação é para chamar a atenção para os problemas que os povos indígenas estão enfrentando. Segundo a organização em uma sociedade democrática e plural é inadmissível os ataques sistemáticos que acontecem, aos direitos dos povos indígenas. A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 215/2000 é um exemplo de projeto, que vai contra os direitos indígenas, pois retira do Executivo, para transferir ao Congresso a competência de aprovar as demarcações de Terras Indígenas (TIs). Para os povos indígenas e organizações indígenas, se aprovado, isso significará o fim de novas demarcações. Segundo Marta Tipuici, do povo Manoki, estudante indígena de Ciências Sociais da UFMT e integrante da comissão de organização do FOPPELIN, a passeata é importante neste momento. “Nesse mês, os povos indígenas tem mais visibilidade e teremos espaço para falar do nosso descontentamento contra a PEC/215”. No final da passeata irão acontecer intervenções e falas, na frente do Restaurante Universitário, na UFMT. Para Marta, esse é outro momento muito importante, pois os estudantes indígenas irão marca presença. “Nós precisamos dar visibilidade da presença de estudantes indígenas no Ensino Superior, e também, junto com as lideranças do Brasil inteiro, mostrar que o número de indígenas nas Universidades precisa ser ampliado”, disse. As pessoas interessadas em participar da passeata deve chegar ás 14h 30, no ginásio da UFMT, onde será feito a concentração. Para mais informações entrar em contato com José Antonio Parava, no telefone: (65) 9805-1906.

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Uniselva dedica informativo ao Foppelin. Confira informações completas:

CLIQUE AQUI =>Informativo FOPPELIN Uniselva UFMT

uniselva

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Acadêmicos indígenas da UFMT participam da organização do I Foppelin

Por Erica Uturago – Acadêmica de Jornalismo UFMT
Naine Terena

Cuiabá sediará o “I Fórum de políticas públicas de esporte e lazer para os povos indígenas”, que conta com uma Comissão formada por estudantes indígenas da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).
Os estudantes tem a Missão de organizar junto ao Ministério dos Esportes a vinda de Instituições convidadas para participar do evento e montar a programação Cultural que conta com apresentações dos Grupos Umutina, Chiquitano e Bororo. Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Cuiabá sedia Fórum Nacional de Políticas públicas de esporte e lazer para povos indígenas em abril

A previsão é que a capital receba 300 indígenas de todo o país entre os dias 7 e 11 de abril

Por Naine Terena

Jovens do Povo Umutina - MT

Jovens do Povo Umutina – MT

Envolver os povos indígenas no processo de conhecimento e formação de agenda de Políticas Públicas para o setor de esporte e lazer. Esse é o principal objetivo do I FOPPELIN – Fórum Nacional de Políticas públicas de esporte e lazer  para povos indígenas, que acontecerá em Cuiabá entre os dias 7 e 11 de abril de 2015.

Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Governo do Estado de MT faz parceria com o I Foppelin

                          11057273_804844059563492_4180840738828101670_n                                            Por Helena Corezomaé

O I Fórum Nacional de Políticas de Esporte e Lazer para os Povos Indígenas (Foppelin) conta com  mais um parceiro para sua realização.
É o Governo do Estado de Mato Grosso, através das Secretarias de Estado de Cultura, esporte e lazer (Secel-MT), Saúde e Superintendência indígena. A Secel contribuirá com a programação cultural do Foppelin  e dará apoio para a realização do “Fórum dos povos indígenas de Mato Grosso”, espaço que pretende  discutir políticas públicas específicas para os povos indígenas do estado no setor de saúde, educação,  esporte, lazer e cultura, com apoio das demais Secretarias. Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Foppellin conta com colaboração de mediadores indígenas

O I Fórum de Políticas Públicas de Esporte e Lazer para os Povos Indígenas (FOPPELIN) conta com o apoio de indígenas de diferentes regiões do país, que ocupam a função de mediadores. O evento irá acontecer  entre os dias 7 e 11 de abril em Cuiabá-MT e reunirá 250 representantes indígenas de cada estado. Esse grupo foi convidado pela Comissão de Mediadores que esteve reunida no final de janeiro de 2015 em Brasília, onde estratégias e critérios para a escolha dos participantes foram definidas

Segundo as informações repassadas pela Comissão organizadora, formada por professores, alunos e técnicos da UFMT, os mediadores indígenas são pessoas com experiência em projetos esportivos e lideranças reconhecidas nos estados, e por isso  estiveram no mês de fevereiro e início de março, em parceria com organizações indígenas locais e regionais, mobilizando e convidando os participantes indígenas do FOPPELIN. Para a seleção dos convidados foram considerados os critérios de representatividade: jovens, mulheres, anciões, lideranças e agentes que cuidam da saúde de sua comunidade, oportunizando a diversidade étnica e de contexto socioeconômico, cultural e histórico das aldeias.

A organização pretende também, a partir deste Fórum, inserir a pauta dos direitos constitucionais ao esporte e ao lazer, dando a conhecer as atuais políticas e as limitações destas para atender a especificidade de cada comunidade indígena em todo o país, para que sejam também pautados nas conferências locais, regionais e nacional.

O evento é uma realização da UFMT , em parceria com o Ministério do Esporte.

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

UFMT coordena organização do I FOPPELIN

Fonte: UFMT – http://www.ufmt.br/ufmt/site/noticia/visualizar/21058/JulioMuller

Membro do grupo de pesquisa Corpo Educação e Cultura (Coeduc/CNPq) e coordenadora geral do I Fórum Nacional de Políticas de Esporte e Lazer para os Povos Indígenas (I FOPPELIN), a professora Beleni Salete Grando tem uma agenda de trabalho com a diretora da Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer de Inclusão Social (Snelis), Andrea Nascimento Ewerton, e com o indígena representante do Ministério do Esporte (ME), Rivelino Pereira de Souza, nos dias 19 e 20 de fevereiro, no campus de Cuiabá, da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Em pauta, os ajustes finais para a realização do I Fórum Nacional, na Capital mato-grossense, no período de 24 a 27 de março. Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

I Encontro de Mediadores para o I FOPPELIN começa hoje.

Começou hoje o I Encontro de Mediadores para preparação do I Fórum de Políticas Públicas de Esporte e Lazer para os Povos Indígenas (I FOPPELIN). – January 30, 2015

O encontro em sua abertura contou com a presença de personalidades do que representaram as instituições envolvidas com o projeto: A Universidade Federal de Mato grosso, na pessoa da Profª. Drª. Beleni Salete Grando e o Ministério do Esporte, na pessoa da Profª. Andréia Nascimento Everton, Diretora do Departamento de Desenvolvimento e Acompanhamento de Políticas e Programas Intersetoriais de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social – DEDAP. Além de contar com personalidades das instituições parceiras que também se envolvem nas causas indígenas, como: o Ministério da Saúde, na pessoa da Srª. Danielle Soares Cavalcante; A Fundação Nacional do Índio – FUNAI, do Sr. Frederico Flávio Magalhães; A Confederação Brasileira do Desporto Escolar – CBDE, na pessoa do Sr. Robson Aguiar; O Comitê Intertribal Memória e Cinência Indígena, na pessoa do Sr. Marcos Terena; O Ministério da Educação, na pessoa da Srª. Susana Martelletti Grillo Guimarães. Continuar lendo

Publicado em Uncategorized